VICENTE GUEDES O SERESTEIRO DE FLORÂNIA

Neste dia de São Sebastião, queremos prestar uma homenagem a VICENTE GUEDES, o mais famoso seresteiro das Coisas de Florânia. Com a preciosa colaboração de seus familiares.

Vídeo com imagens de um passado de ouro de Florânia acompanhado pela inigualável voz do seresteiro gravado nos estúdios da Rádio Brejuí de Currais Novos no ano de 1969.

DESDE JÁ PEDIMOS DESCULPAS POIS A QUALIDADE  DO ÁUDIO É PRECÁRIA DEVIDO AO TEMPO DA GRAVAÇÃO.

História

Vicente Félix da Silva nasceu no dia 06 de abril de 1888, na cidade de Caicó, filho de Francisco Cícero da Silva (conhecido como Chico Guedes) e Maria da Conceição. Ainda criança, seu pai o trouxe para morar consigo em Florânia. Mesmo tendo estudado até a 4ª série, sabia ler e escrever perfeitamente. Na sua juventude, descobriu a música e decidiu se tornar seresteiro.

O seu primeiro casamento não durou muito. Depois conheceu e casou-se com Severina Laurentina da Silva, filha de José Laurentino Dantas e Raquel Maria da Conceição. Dona Nega, como era conhecida, foi sua companheira por toda a vida. Os frutos dessa união foram seis filhos, dos quais apenas três se criaram: Terezinha, Chaguinha e Gracinha. Além destes, ele foi pai de Laura, que teve com outra mulher, e também filhos adotivos, entre eles Evaristo e João Alexandrino (conhecido como João Urubu).

A profissão registrada na carteira de trabalho é a de capataz, mas ele também foi agricultor e suplente de delegado. Em 1942, ele trabalhou como conferente na construção do aeroporto de Parnamirim. Em seguida retornou a Florânia e trabalhou na agricultura. No entanto, ficou conhecido como seresteiro, fazendo muitas serenatas na cidade de Florânia. Sua fama lhe rendeu uma participação num programa de rádio chamado “Recordar é viver”. Este programa era apresentado por Oton Soares e transmitido pela Rádio Brejuí de Currais Novos.

O seresteiro Vicente Guedes faleceu em 20 de janeiro de 1971, deixando muitas saudades.

Reza a história que neste dia Chico Nobre pagou a Banda Musical para não tocar o Pavilhão de São Sebastião em forma de luto, pois havia falecido o seu melhor amigo VICENTE GUEDES.


Anúncios

22 DE NOVEMBRO, DIA DO MÚSICO

O Dia do Músico, comemorado em 22 de novembro, é representado pela padroeira dos músicos, Santa Cecília. Por isso, esta é a data oficial de homenagem ao conjunto de artistas – músicos e musicistas – que transmitem em composições, instrumentos, melodias e harmonias, canções de diversos gêneros em uma linguagem universal propagada por vibrações.

Nas coisas de Florânia, esse dia bem que poderia ser comemorado também na data natalícia do grande Maestro Marciano Ribeiro. Em nome dele, nossos parabéns a todos os músicos que deixam mais belas as “Coisas de Florânia”.

Postagem: Domingos Toscano