UMA DECLARAÇÃO DE AMOR PELAS COISAS DE FLORÂNIA

“Catucando” a internet em busca de floranienses ausentes, “arrudiei pelo oitão” de um link sobre turismo, “daqueles que o povo vem de fora para tirar foto da gente”, “esbarrei de testa” numa DECLARAÇÃO DE AMOR PELAS COISAS DE FLORÂNIA, escrita por um “caboco bom lá das brenhas” da Serra do Cajueiro e que teve que partir desta terrinha árida e quente, mas que nunca esqueceu o cheiro e as cores das COISAS DE FLORÂNIA.

Procurei na “mala veia” das nossas imagens e encontrei: uma imagem que mostra em primeiro plano o tão falado e cobiçado PARQUE DA CIDADE e ao fundo, em cima da serra(na primeira planície antes de chegar na chã), uma pequeníssima casinha branca onde está localizada justamente o antigo sítio dos Alejados e do Muniz escrito na declaração abaixo.

­­­­”Sou filho de Florânia, remanescente caboclo da serra do cajueiro, sitio dos aleijados, na primeira planície antes de chegar na chã. Orgulho de falar desta terrinha amada de bugis florais e relevo montanhoso; de ar puro e gente hospitaleira, alegre e festiva; pra uma reunião de amigos virar festa, basta passar por ali, Severino Rosendo, Chico de Fortuna, Maria josé, Miguel Calistone, Damião, João de Emídio, Antonio Dois Ouros, Segundo Sanfoneiro ou qualquer um destes cidadãos de garganta boa e dedo afiado; Figura comum no nosso município. Ohhh! Terrinha boa caba véi… De tudo se faz uma fuzaca!!! Até uma piada é motivo de euforia geral. É por isso que quem é de Florânia tem coração quente e, quem não é e visita, se esquenta também. Declaro aqui, meu eterno amor por Florânia e sufrágio de apoio as pessoas que a publicam, divulgam disseminam esse maravilhoso recanto de prados e sonhos mil, que encanta e fideliza os seus e os que o conhecem! “…Mais se Florânia terminar, juro por Deus que vou chorar! Choro de emoção, Florânia é terra do meu coração!!!”
Por: João Rosendo

Foto: Junior Galdino

Anúncios